Blog / Cuidados

Como manter a tatuagem bonita? Confira dicas incríveis!

17 de maio de 2018 Equipe Find Compartilhar facebook Twitter

Depois de muito pensar em um desenho, trabalhar em conjunto com o tatuador para decidir a arte e passar pela dorzinha de fixar o traço na pele, finalmente a tatuagem está feita! Provavelmente, você esperou muito por esse momento e, agora, finalmente concretizou sua ideia, marcando-a para sempre no corpo.

Mas, para manter sua tatuagem exatamente como você imaginou, é preciso ter alguns cuidados não só durante a cicatrização, mas para a vida toda. É necessário observar aspectos como a hidratação, a exposição à luz do sol e até a dieta que você faz durante a recuperação.

Ficou curioso e quer saber como manter a tatuagem bonita por mais tempo? Continue a leitura e confira nossas dicas!

Durante a recuperação

O período mais crítico para definir se sua tatuagem vai manter-se exatamente como você a idealizou é a cicatrização. Nessa etapa, a pessoa que fez a tatuagem precisa mudar um pouco a rotina e ter alguns cuidados para que a recuperação seja tranquila e o desenho se fixe na pele.

Para não cometer nenhum erro e comprometer a arte escolhida, confira, abaixo, os principais cuidados que você precisa ter durante a cicatrização!

Siga as orientações de seu tatuador

O primeiro ponto de atenção é seguir fielmente as orientações de seu tatuador. Cada técnica e estilo têm cuidados específicos e, se você escolheu com cuidado o estúdio, o profissional sabe exatamente o que indicar para que você cuide de sua arte da melhor forma possível.

Conselhos sobre qual pomada usar ou quando tirar a película protetora, restrições alimentares e outros cuidados devem ser observados com atenção. E, se possível, consiga essas orientações por escrito, para não se esquecer de nenhuma.

Lave o local com sabonete antisséptico

Depois de passado o período de deixar a tatuagem protegida com o filme plástico, indicado por seu tatuador, higienize o local com água e sabonete antisséptico. Isso é importante para remover resíduos de sangue, evitando a formação prematura de casquinhas e infecções.

É fundamental que você não esfregue com força o local tatuado e nem passe bucha ou outras superfícies abrasivas, pois isso pode levar embora parte da tinta usada na tatuagem, deixando-a falhada. Depois de concluir a higienização, seque a área cuidadosamente, sem esfregar a toalha.

Não puxe as casquinhas e nem coce

Quando sua tatuagem começar a cicatrizar, “casquinhas” vão aparecer e você vai, provavelmente, sentir uma vontade quase irresistível de coçar. Mas resista! Se a pessoa passar a unha sobre o desenho, arrancando essas “casquinhas”, parte da tinta e do desenho vai sair junto. Mantenha a área hidratada com a pomada indicada também diminui bastante a coceira, além de beneficiar a cicatrização.

Evite o sol

O sol é um dos principais inimigos de sua tatuagem, especialmente na cicatrização. Além de promover o envelhecimento precoce da pele, ele desbota o pigmento e faz com que os traços fiquem mais grossos e menos definidos, além de oxidar sua tatuagem, deixando-a com aquele aspecto apagado, mal-feito.

Por isso, evite ao máximo a exposição solar da área tatuada, especialmente nos horários depois das 10 horas da manhã e antes das 16 horas. Se sua tatuagem for em lugares muito expostos (como pescoço, mão e braços), você pode usar uma sombrinha quando precisar sair de casa.

Evite mar, piscina e banheiras

Outro grande inimigo da durabilidade de sua tatuagem é a submersão na água. Ou seja: fica proibido abusar de banhos de mar, piscina e banheira. Isso porque a água pode fazer com que o pigmento desbote, além de ser um veículo de bactérias, capazes de infectar seu desenho e causar problemas que vão além de deixá-lo feio.

As piscinas também têm cloro, que podem acelerar o envelhecimento de sua tatuagem ao reagir com o pigmento usado. Já o mar conta com o sal e a areia, agentes agressivos para a área tatuada, que causam irritação e infecções. O ideal, então, é evitar qualquer submersão prolongada em água por, pelo menos, dois meses.

Tenha cuidado com sua alimentação

Os cuidados com a tatuagem também vêm de dentro. Alguns alimentos podem prejudicar uma cicatrização bem sucedida, enquanto outros ajudam o processo, fazendo com que sua tattoo se recupere melhor.

Por se tratar de, basicamente, a cicatrização de uma ferida aberta na pele, itens muito gordurosos ou que promovam a inflamação podem influenciar negativamente, fazendo com que a recuperação seja bem mais lenta.

Para evitar qualquer problema, veja, abaixo, os alimentos que você deve evitar nos dois primeiros meses após o procedimento:

  • carne de porco;
  • frutos do mar;
  • amendoim;
  • camarão;
  • chocolate;
  • alimentos gordurosos e pesados.

Por outro lado, uma alimentação balanceada pode auxiliar no processo de recuperação, fazendo com que a cicatrização seja mais tranquila e rápida. Priorize fontes de proteína e zinco com pouca gordura, oleaginosas, fontes de colágeno, castanhas e cereais integrais.

Veja o que incluir em sua dieta nos meses durante a recuperação de sua tatuagem:

  • ovos;
  • aveia;
  • frango;
  • peixes;
  • feijões;
  • aveia;
  • quinoa;
  • castanhas;
  • gelatina;
  • iogurte;
  • leite;
  • queijos.

Use uma pomada na recuperação

Provavelmente, o tatuador vai indicar alguma pomada para a cicatrização de sua tatuagem. O produto deve ser reaplicado constantemente no primeiro mês, de modo que a área tatuada nunca fique ressecada.

Existem diversas opções no mercado, porém, cada tatuador tem preferências, e é importante que você escute a expertise do profissional na hora de decidir por qual marca comprar.

Lembre-se sempre de que, ao aplicar a pomada, você não deve esfregar com força e nem aproveitar esse momento para coçar. Sua tatuagem precisa ser tratada com delicadeza, para que nenhuma casquinha saia antes do tempo.  

Vista roupas com tecidos que não causem atrito

Por fim, evite atrito na área tatuada. Caso você fique esfregando-a ou use roupas que raspem agressivamente a tatuagem, provavelmente as casquinhas vão ser arrancadas antes do tempo, resultando em uma cicatrização menos uniforme.

Priorize o algodão e outras roupas sintéticas bem macias. Evite principalmente o jeans e outros tecidos mais grossos ou abrasivos, que podem arranhar sua tattoo.

Depois de cicatrizada

Depois de mais ou menos dois meses — dependendo do tamanho e da quantidade de preenchimento —, sua tatuagem estará completamente cicatrizada, mas não é hora de se descuidar! Você ainda precisa tomar precauções para que o desenho não desbote e a arte fique incrível por muito mais tempo.

Para manter sua tattoo sempre linda e com cores vivas, confira os principais cuidados que você deve manter durante toda a vida:

Use filtro solar

Lembra que falamos sobre o sol ser o principal inimigo de sua tatuagem? Isso continua válido mesmo depois de passado o período da cicatrização.

Mas, enquanto você não pode tomar sol de jeito nenhum nos primeiros meses, agora já é possível pegar uma corzinha na região tatuada. Porém, é preciso usar sempre um filtro solar adequado para seu tom de pele, preferencialmente acima de 30 FPS (Fator de Proteção Solar).

Mantenha o local hidratado

Um dos principais segredos para ter uma tatuagem sempre linda é a hidratação constante da área tatuada. Isso porque, ao prevenir o ressecamento, você evita que as linhas percam a definição e que as cores desbotem.

Produtos como manteiga de karitê, óleo de coco e cremes hidratantes neutros são ideais, pois mantêm sua tattoo com um aspecto bonito e vivo por muito mais tempo. Porém, tenha cuidado com o que você vai usar na área tatuada: evite itens que contenham álcool e corantes, pois esses agentes reagem com os pigmentos e podem alterar as cores do desenho.

Se você quer uma opção bem barata e eficiente, escolha a glicerina. Ela ainda ressalta os tons aplicados de sua tatuagem, deixando-a bem mais viva.

Passe o hidratante sempre depois do banho e da exposição solar, reaplicando-o durante o dia se você sentir que o clima está mais seco ou perceber que a área ficou ressecada. O importante é ter atenção para não deixar a tatuagem seca, com a pele repuxando.

Volte no tatuador para retoques

Por mais que a cicatrização ocorra perfeitamente, podem acontecer incidentes que demandem um retoque, principalmente se algumas partes não pegarem tanto pigmento e acabarem deixando o desenho falhado.

Mesmo que você não consiga identificar essas falhas a olho nu, é interessante voltar sempre ao tatuador depois de terminada a cicatrização. Assim, ele pode analisar se tudo correu bem e fazer os retoques necessários.

Manter uma tatuagem do jeitinho que você sempre quis demanda alguns cuidados — mas todos eles valerão muito a pena quando você tiver uma arte única e bem-feita em seu corpo, carregando sua história e o traço do artista.

O importante é não se descuidar das orientações passadas por seu tatuador, além de manter a área sempre hidratada, protegida da luz do sol e de elementos abrasivos. Nem pense em usar esfoliantes durante a cicatrização, ok?

Agora que você já sabe como manter a tatuagem bonita, que tal conferir mais dicas sobre esse estilo de vida? Assine nossa newsletter e receba, diretamente em sua caixa de entrada, nossos conteúdos exclusivos!