Blog / Artes

Muralismo: a arte das ruas na sua sala de estar

11 de junho de 2020 Equipe Find Compartilhar facebook Twitter

Arte é algo que acompanha a humanidade desde sempre!

Adoramos falar sobre a arte do rabisco na pele, a tattoo, e de como ela, – a pele – se torna um tipo de “canva”.

No entanto, nessa série especial de textos, vamos falar um pouco sobre outras formas de representação artística.

Já falamos aqui sobre grafite – que está nas ruas, que vai além das galerias. Outra arte muito ligada ao grafite é o muralismo, que também está nas ruas.

Porém, quais são as diferenças?

 

Muralismo

O muralismo, por séculos, esteve presente em murais de igrejas, por exemplo. É uma arte historicamente tradicional, e atualmente, o muralismo  é encontrado em espaços urbanos!

Surgiu no México, durante o século XX. Logo após a Revolução Mexicana, que buscava mudanças estruturais no âmbito social, política e econômica no país.

De antemão, uma das maiores marcas do muralismo, é que eles são trabalhos monumentais e uma expressão da realidade. É uma arte estreitamente relacionada com a arquitetura.

Não é difícil encontrar murais pela cidade. Eles modificam o espaço urbano, sendo até mesmo um fator de diminuição da violência em algumas regiões.

Grafite X Muralismo

De acordo com a artista mineira, Kawany Tamoyos, ela nos explicou que grafite é uma arte que possui sua linguagem mais urbana, e faz parte de um movimento – o hip – hop – possuindo cunho crítico-social.

Já o muralismo é uma arte mais utilizada com função decorativa (mesmo assim, não é incomum encontrar murais com críticas sociais), seguindo esse molde desde a sua concepção.

O muralismo geralmente é feito por artistas plásticos e não possui o mesmo caráter político que o grafite, sendo essa a característica que melhor diferencia as duas artes.

 

Curiosidades

No período de isolamento social as pessoas estão passando mais tempo em casa, por consequente, o olhar para decoração e bem-estar passam a ser prioritários!  Assim, muitos artistas estão fazendo muralismo no interior das residências, deixando as casas mais aconchegantes e o espaço do home office mais bonito.

Estão gostando na nossa série de textos sobre artes? Tem alguma sugestão?

Conta pra gente nas redes sociais.